Quais são as etapas legais que ocorrem para uma lesão corporal?

As ações judiciais têm uma estrutura à qual o tribunal, o júri, os juízes e os envolvidos devem aderir. É uma forma organizada de enfrentar e compreender o caso, caso contrário, poderia levar a mal-entendidos e decisões forçadas que prejudicariam os supostos culpados e vítimas. Essas etapas servem para avaliar, identificar, reconhecer e analisar muito bem os argumentos e a tomada de decisão.

Assim, em tal situação, é conveniente entender cada etapa ou etapa da reclamação, especificamente para danos pessoais, pois, dependendo do caso, estes podem variar devido à complexidade exigida.

Quais são as etapas de um processo de ferimento pessoal?

Deve-se ter em mente que, para iniciar uma ação de indenização por danos pessoais, é necessário contratar um advogado que possa defender os direitos da parte afetada, bem como os do suposto culpado.

Em primeira instância, o advogado deve reunir-se com seu cliente para atingir um objetivo e poder determinar o que fazer de forma organizada e assim poder conhecer os fatos de acordo com a fala e os argumentos da parte afetada. Um advogado especializado em danos pessoais deve orientar a vítima em todos os momentos, principalmente no início, para que esta conheça seus direitos e deveres no âmbito das ações judiciais de danos pessoais.

As etapas de um processo de ferimento pessoal são:

  1. mandado de intimação
    Trata-se de uma reclamação escrita que a vítima ou autor deve apresentar às autoridades competentes, seja o tribunal ou qualquer outra instância. É necessário fazê-lo quando a vítima procura uma compensação financeira. Por outro lado, existe a possibilidade de o suposto culpado responder à reclamação feita.
  2. Descoberta
    A realização deste processo permite ao demandante reunir todas as informações possíveis para defender seus direitos e debater os argumentos da contraparte. Esta é caracterizada pelos interrogatórios, depoimentos, discursos, entre outros documentos necessários para tal avaliação.
  3. Propostas de pré-teste
    Faz parte do processo que possibilita solicitar a retirada de uma das provas do julgamento, uma vez que podem não ser verdadeiras ou funcionais para o caso como um todo. Também se pode argumentar que é necessária uma resposta rápida para obter uma compensação legal.
  4. conversas e acordos
    Os pactos, acordos e conversas podem ser válidos durante todo o processo, pois estima-se que sejam necessários para iniciar uma negociação com a contraparte.
  5. Julgamento
    É a parte mais importante de todas as etapas da ação de danos pessoais, pois, ali, devem ser apresentadas todas as provas possíveis para acusar diretamente a pessoa de negligência ou qualquer outro crime. Sendo assim, e recebendo a culpa, então deverá pagar indenização pelos danos causados.
  6. apelações
    Se houver alguma inconsistência legal, qualquer uma das partes pode recorrer para que o caso seja revisto novamente.

Você pode estar interessado: O que é considerado dano para entrar com uma ação de danos pessoais?

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *